SLIDER

Gratuito: Musical sobre transexual que sofre crime de ódio tem últimas apresentações









A “Ópera Urbe - Peste Contemporânea” é um ato-espetáculo-musical que conta a história de quatro amigos (Boi, irmão de Eulália, namorada de Cisco, amigo de infância de Mano) que vêem suas relações de amor, amizade e afeto se dissiparem por questões afeitas aos dias tensos e conturbados da contemporaneidade, tais como o fanatismo religioso, o binômio capital/consumismo, as diversas formas de vivenciar a sexualidade e a intolerância de modo geral. Completa o elenco uma transexual que sofre um crime de ódio. Esses cinco atores são acompanhados de uma banda com seis músicos, num espetáculo ao ar livre, que acontece em um Teatro de Arena, construído pelo grupo, no Largo da Batata.



As sessões gratuitas ocorrem no Largo da Batata (em frente ao metrô “Faria Lima”/SP)

Sessão especial em 28 de agosto de 2016, às 16h. Últimas apresentações em 29, 30 e 31 de agosto de 2016, às 18h.



CURTA O EM NEON NO FACEBOOK



Serviço

Espetáculo musical de rua Ópera Urbe - Peste Contemporânea

Dramaturgia e Música Original: Zimbher

Direção: Rogério Tarifa

Elenco: Karen Menatti, Flavio Barollo, Eduardo Mossri, André Cezar Mendes e Leona Jhovs. Direção musical de Zimbher e Felipe Chacon

Banda: Felipe Chacon, Luca Frazão, Franco Orlando, Glauber Bento, Breno e Pedro Renaud Preparação Corporal: Jorge Garcia

Vídeos: Flavio Barollo

Cenário: Barão di Sarno e Rogério Tarifa

Figurinos: Juliana Bertolini e Levi Orion

Produção: Rubia Konstantyni





Foto: Divulgação





A Redação