SLIDER

Leitura dramatizada da peça 'Luiz Gama: Uma Voz pela Liberdade', de Deo Garcez



O grande ator Deo Garcez convida a todos para a leitura dramatizada da peça “Luiz Gama: Uma Voz pela Liberdade”, que é de sua autoria. O ator que há bem pouco tempo, conseguiu a proeza de estar no ar em quatro novelas simultaneamente - atualmente está em duas: Carrossel (SBT) e Prova de Amor (Rede Record) - e é conhecido por seu trabalho marcante em Xica da Silva (Rede Manchete – 1996 e reprisada pelo SBT), Escrava Isaura (Rede Record - 2004) e o Cravo e a Rosa (Rede Globo - 2000), está muito feliz em levar para os palcos a história desse grande líder abolicionista.



Atualmente em seu melhor momento de criação, com sua maturidade dramática e em plena forma física, Deo Garcez apostou na história de um forte personagem brasileiro, para mostrar seu talento e atribuiu ao genial Ricardo Torres a direção desse texto, que escreveu com tanta dedicação.



A peça relata fatos dramáticos marcantes da vida e da trajetória revolucionária do líder abolicionista Luiz Gama, poeta brasileiro negro e ex-escravo que viveu entre 1830 e 1882. São relatos sobre um homem que lutou bravamente contra o preconceito racial, a favor da dignidade humana e em especial pela libertação dos escravos no Brasil. Vítima de exclusão histórica reparada em 2015 pela OAB, que concedeu-lhe o título póstumo de advogado.



A peça faz parte do Ciclo de Leituras Dramatizadas "O TEATRO NA CENA POLÍTICA" - Tributo a João das Neves, produzido pelo Sated RJ (Sindicato dos Artistas do Rio de Janeiro).





Serviço

Leitura dramatizada:“Luiz Gama: Uma Voz pela Liberdade”

Roteiro: Deo Garcez

Direção: Ricardo Torres

Elenco: Deo Garcez, Nivia Helen e Niana Machado (atriz de Pé na Cova) 

Dia: 15/03/16, terça-feira 

Local: Auditório da Universidade Santa Úrsula 

Endereço: Rua Fernando Ferrari, 75 - Botafogo - Rio de Janeiro - RJ

Horário: 19h

Entrada: Franca



CURTA O EM NEON NO FACEBOOK



Fotos: www.emfotos.com.br (Deo) e reprodução (Luiz Gama)



Arte: Code art design (www.codeartdesign.com.br)



A Redação